8 habilidades profissionais que todo gestor financeiro precisa ter - Blog da MRH - Carreira, formação e ensino tecnológico no padrão MRH
Formação

8 habilidades profissionais que todo gestor financeiro precisa ter

Cargos específicos demandam uma série de habilidades e conhecimentos técnicos. Um gestor financeiro, além de ser capacitado para conduzir as finanças de uma organização, precisa também ter uma série de qualidades relacionadas à sua área de atuação.

As exigências de um cargo de gestão são altas, então é importante que o profissional que a ocupe esteja bem preparado. Uma participação ampla e aprofundada só é possível por meio de conhecimentos específicos variados.

O conteúdo deste post vai trazer 8 habilidades indispensáveis para os gestores financeiros. Continue a leitura e confira!

1. Facilidade de relacionamento

Um gestor terá que lidar o tempo todo com outras pessoas, pois essa é parte fundamental de trabalho de quem está à frente de um setor. Para que esse processo funcione bem, é importante ter bom relacionamento com os colaboradores da empresa, especialmente aqueles que atuam em áreas distintas.

O gestor financeiro vai precisar manter contato com outros departamentos das empresas, então é importante que ele desenvolva uma imagem positiva, de alguém acessível. Tão fundamental quanto isso, é exercer boas práticas de relacionamento no cotidiano, beneficiando assim a sua atuação, que constantemente dependerá de ordens e solicitações.

2. Conhecimento de legislações

Há leis específicas que regulamentam a atuação das empresas, especialmente no que diz respeito a movimentações de capital, investimentos e todas as atividades relacionadas a questões financeiras. O conhecimento dessas regras e determinações é importante para que a organização aja sempre dentro do que é o correto.

Desse modo, quem está à frente do departamento financeiro de uma empresa, nesse caso o gestor, deve ter amplo domínio sobre todas as informações que estão dispostas na lei. Assim, além de preservar a integridade do seu trabalho, esse profissional protege a empresa, conduzindo ações dentro da legislação vigente.

3. Domínio sobre taxas e tributos

Tributos e taxas referentes a movimentações financeiras, compras, vendas e declaração de impostos são muito comuns no dia a dia de uma empresa. Cabe ao gestor financeiro fiscalizar se tudo está sendo feito de maneira certa, em prol da regularidade da atuação da instituição, diante do cumprimento das obrigações fiscais.

Com tamanha importância dessa questão, é indispensável ao gestor estar sempre atualizado sobre as tributações às quais a empresa está submetida. Assim, são minimizados os riscos de penalidades legais à empresa, sem colocar em cheque a capacidade do gestor.

4. Ética profissional

Outro requisito mais geral aos profissionais, a ética deve ser redobrada para quem ocupa esse cargo, já que nessa posição ele também deve dar o exemplo, especialmente por lidar com os ativos financeiros da empresa. O gestor deve ter valores bem definidos, obedecendo também ao que a empresa acredita.

Em nenhum momento esse profissional deve utilizar da altura de seu cargo e suas facilidades para tomar vantagens de nenhum tipo. O gestor financeiro deve prezar sempre pela transparência de seus atos e por uma administração objetiva e sem nenhum tipo de margem para desconfiança

5. Liderança

Um líder deve usar mais vezes o termo “nós” ao invés de “vocês”. Liderar é fazer parte dos processos, atuar junto aos outros colaboradores e mostrar o caminho para o sucesso da execução de demandas. A liderança é um requisito imprescindível para quem ocupa o cargo de gestor, tendo em vista que ele está à frente do departamento que conduz todas as operações financeiras da empresa.

O gestor financeiro precisa exercer sua liderança envolvendo sua equipe de profissionais, transmitindo e contando com a confiança deles. Só assim será possível se manter competente diante de todos os desafios do cotidiano de um cargo tão relevante.

6. Inteligência emocional

A pressão por resultados, as dificuldades no dia a dia de atuação e a responsabilidade de estar à frente de um setor tão complexo como o financeiro podem pesar emocionalmente. O gestor precisa ter controle sobre seus impulsos, se mantendo inteligente e competente para atuar diante de um quadro de possível exigência maior que o normal.

A importância de um gestor que tenha inteligência emocional é saber se adaptar às diferentes situações de trabalho, especialmente em quadros de instabilidade. Assim, esse profissional saberá controlar suas emoções diante desses casos, atuando com competência e absorvendo toda a pressão com eficiência e liderança.

7. Conhecimentos em auditoria

O gestor nem sempre poderá acompanhar tudo que é feito dentro do departamento financeiro, ainda que ele seja o principal responsável. É preciso estar sempre atento se todas as operações, negociações e qualquer tipo de movimentação financeira foram feitas corretamente. Para isso, é preciso checar valores e conferir se eles estão de acordo com os relatórios.

A auditoria é parte importante do trabalho de um gestor financeiro. Ter conhecimentos desse tipo permite a esse profissional estar sempre atento a possíveis irregularidades ou discordâncias de valores, diante do que está relatado em documentos. Ainda que a auditoria não seja completamente feita pelo gestor, é importante ter conhecimento para uma análise primária.

8. Visão estratégica

Cada passo dado por um gestor financeiro deve ser com total consciência do que virá em troca para a empresa. A visão estratégica é fundamental para esse profissional, que deve agir sempre visando resultados e trabalhando em prol de objetivos definidos diante de dados que deem base para a sua atuação.

Com domínio dessa capacidade, o gestor sabe identificar as boas oportunidades de desenvolvimento, visualizando o que elas trarão à empresa no futuro. Tudo isso é feito de modo que também seja possível perceber quais os empecilhos na atuação e como superá-los, para avançar no planejamento definido.

Essas habilidades e qualificações são indispensáveis para esse profissional. Há diversas formas de se preparar para exercer o cargo. Instituições de ensino como a MRH oferecem o curso de MBA em Gestão Financeira, que oferece o desenvolvimento de todas essas capacidades.

O gestor financeiro é um profissional importante e que, reunindo capacidade de atuação, tem um bom mercado de oportunidades à sua disposição, conseguindo se colocar em uma empresa de destaque, desempenhando um bom trabalho.

Gostou de saber mais sobre o assunto? Assine nossa newsletter e receba mais conteúdos como este diretamente no seu e-mail.

Você pode gostar
Enem: entenda definitivamente como funciona e a sua importância
Saiba como conciliar faculdade e maternidade

Deixe seu comentário

Seu Comentário*

Seu Nome*
Seu Site

Share This