Carreira de sucesso: 10 passos para conquistar destaque profissional - Blog da MRH - Carreira, formação e ensino tecnológico no padrão MRH
Carreira

Carreira de sucesso: 10 passos para conquistar destaque profissional

Uma carreira de sucesso é o desejo de qualquer profissional que se inicia no mercado de trabalho. A alta competitividade faz com que essa caminhada não seja tão simples, exigindo cada vez mais uma atuação de excelência dentro da empresa, combinada com uma formação sempre atualizada.

Reconhecemos que ter uma profissão, estudar e trabalhar o desenvolvimento de competências necessárias para alcançar esses objetivos, tudo ao mesmo tempo, não é uma tarefa fácil. Por isso, preparamos um passo a passo com 10 etapas para orientar a sua jornada.

Descubra as habilidades essenciais para vencer todos esses processos e inspire-se com a história de 5 gigantes do mundo dos negócios. Acompanhe!

Passo a passo para ter uma carreira de sucesso

Engana-se quem pensa que, para ter uma carreira de sucesso, basta ter sorte. Há uma série de aptidões que você pode desenvolver desde a saída do Ensino Médio que vão servir de base para tudo o que você for realizar durante toda a vida, desde os estudos até a atuação no mercado de trabalho.

Portanto, pegue um papel e uma caneta e aproveite o passo a passo que disponibilizamos para que você tenha uma carreira de sucesso!

1. Autoconhecimento

Muitas pessoas ingressam no mercado de trabalho logo após a conclusão do Ensino Médio. Uns vão em busca de emprego, outros iniciam um curso superior já no ano seguinte.

Independentemente do caminho escolhido, há uma grande semelhança entre esses dois perfis. Ambos estão dispostos a trilhar uma carreira de sucesso, e cada escolha é determinante para atingir esse objetivo.

É dentro desse cenário que reconhecemos a importância do autoconhecimento. Escolher uma carreira é, muitas vezes, uma tarefa muito injusta para essa fase da vida, em que o indivíduo é ainda muito jovem e os riscos de fazer uma escolha errada são maiores devido à falta de experiência.

Com isso, há uma ameaça real de tomar decisões que não são compatíveis com o que sentimos e esperamos do futuro. Conhecer a nós mesmos é fundamental para saber os próprios limites, interesses e prioridades. Por isso, pratique e explore o autoconhecimento!

2. Disciplina

O esqueleto de uma carreira de sucesso é sustentado pelos pilares do conhecimento e da experiência em campo. Quem está de olho no crescimento profissional precisa se mostrar dentro da empresa, sem esquecer a qualificação.

Organizações sérias prezam por colaboradores que sabem o que estão fazendo e estão buscando maneiras de se manter sempre atualizados no mercado. Contudo, por parte dos funcionários, muitas vezes as adversidades da vida acabam engolindo os planos de se qualificar, quando se pensa na rotina de trabalho, estudo e descanso, além do investimento necessário para a formação acadêmica e profissional.

A boa notícia é que, com organização e disciplina, é possível sair em busca desses recursos. Um planejamento adequado é fundamental para que haja equilíbrio entre a vida profissional, pessoal e acadêmica.

Conciliar a rotina de trabalho e estudo não é uma tarefa tão pesada para aqueles que conseguem organizar seus afazeres, estabelecendo um cronograma de atividades semanais que inclua o descanso e as horas de lazer.

Experimente colocar seus objetivos no papel, definindo algumas prioridades, e fazer uso de uma agenda ou um aplicativo que possa ajudar na gestão do tempo. Você vai ficar animado quando perceber que é viável iniciar essa jornada!

3. Proatividade

A proatividade é definida pelo dicionário Priberam como: “Capacidade que alguém ou algo tem de fazer com que determinadas coisas aconteçam ou se desenvolvam”. Essa é uma característica muito apreciada pelos recrutadores e essencial para quem está em busca de crescimento profissional. O significado é claro: a proatividade é fazer acontecer!

Sujeitos proativos focam suas energias no que pode ser melhorado, são responsáveis, têm iniciativa, acreditam na própria capacidade, reconhecem seus defeitos e sabem valorizar parcerias. O comportamento é apreciado, pois, dentro de uma organização, esses indivíduos costumam buscar espontaneamente por transformações no ambiente de trabalho, prevendo os problemas e suas soluções, além de objetivarem metas a longo prazo que beneficiam a empresa.

Se você deseja desenvolver esse atributo, exercite os detalhes citados acima por meio de anotações, análises e estudos de caso e, principalmente, tenha iniciativa e comece a agir!

4. Planejamento

Quando a corrida pela ascensão profissional termina no objetivo esperado, é importante destacar que não foi por acaso. Resultados como o reconhecimento, cargos de gestão ou gerências, um salário satisfatório ou todas essas realizações em uma oportunidade só são fruto de um bom planejamento.

Ter um plano de carreira macro é de extrema importância para que o indivíduo não gaste tempo e recursos com instrumentos desnecessários para atingir seus objetivos ou que o afastem dos mesmos. Para construí-lo, é simples. Basta seguir este roteiro básico:

  1. definir os objetivos principais;

  2. pesquisar sobre a profissão e o cargo desejado;

  3. fazer um levantamento das ações de capacitação necessárias para assumir a função pretendida, como o curso de ensino superior;

  4. verificar as competências necessárias para assumir o cargo e fazer uma relação entre o que o candidato já tem e o que precisa desenvolver;

  5. estipular um prazo;

  6. inserir esse planejamento dentro da organização da rotina.

Que tal seguir esse passo a passo? Você terá uma visão clara e ampla dos seus planos e conseguirá estabelecer com facilidade a maneira mais eficiente de atingir as suas metas.

5. Senso de realidade

Profissionais donos de um perfil pessoal muito competitivo e exigentes consigo mesmos precisam exercitar o senso de realidade, para não se frustrarem nessa caminhada. Afinal, se você chegou até aqui, é porque está em busca de uma orientação para ter uma carreira de sucesso e já está ciente de que enfrentará uma dura concorrência.

Reconhecer que você, como todo ser humano pode errar ou que, ainda, uma empresa pode escolher um outro candidato vai ajudar a manter o foco nos seus objetivos, ter calma para solucionar conflitos e saber lidar com as negativas que poderão aparecer. Seja realista e paciente!

6. Gosto pelos estudos

Como você pode perceber, a capacitação é uma das bases que sustentam a ligação entre o trabalho e o sucesso. Se você não gosta ou tem preguiça de estudar, é bom começar a desenvolver métodos que estimulem essa prática desde já.

Se você gosta de assistir a filmes ou séries, saiba que o seu lazer pode ser um ótimo incentivo para mergulhar nos estudos. Longas como “Coach Carter”, “Whiplash”, “Uma lição de vida” e “Um sonho possível” são ótimos para quem precisa de uma motivação. Prepare os lencinhos e aproveite!

7. Bom senso

Essa é uma característica muito bem-vinda tanto na hora de recrutar, quanto no crescimento da carreira. Para quem ocupa cargos de liderança, o bom senso é fundamental para a tomada de decisões e para manter um relacionamento agradável com a equipe.

Quando estamos falando da carreira profissional, o bom senso é mais que saber distinguir entre o certo do errado, mas ter a capacidade de perceber aquilo que realmente vai ajudar o cliente e a empresa e usar essa informação de maneira correta.

Também faz parte ter a noção dos seus próprios limites e saber até que ponto você pode chegar com determinadas atitudes. Exercite essa prática ouvindo todas as opiniões a respeito da escolha da sua carreira e peça para que as pessoas justifiquem o que dizem. Depois, faça um balanço dos prós e contras. Se necessário, pesquise sobre e veja se o que pensam está de acordo com a realidade.

8. Leveza

Dentro de uma empresa, procure não ser aquele profissional que é notado por uma preocupação constante. Tome cuidado para não confundir a perspicácia na antecipação de problemas, exigida na proatividade, com uma tensão permanente e acumulada. Resumindo: seja leve.

Seja um colaborador tolerante com as diferenças e capaz de reconhecer os próprios erros e mostre equilíbrio emocional para lidar com as mudanças abruptas — ou não tão súbitas — que podem surgir no dia a dia. O autocontrole é fundamental para enxergar as soluções quando o resto do time acreditar que tudo está perdido e não há mais o que fazer.

9. Dedicação

A dedicação faz toda a diferença em uma carreira de sucesso. Perceba que ela é necessária não só na proatividade, nas iniciativas e na tomada de decisão, mas também para trabalhar algumas características de liderança em você mesmo.

A dedicação também está presente na hora de fazer a escolha profissional — longe dos modismos — e se reflete na realização da graduação de maneira engajada, extraindo o máximo de conhecimento e experiência possível nesse período.

O período de estudos é muito importante para habituar nosso corpo e nossa mente a ter uma rotina aplicada, planejada e focada nos objetivos, mecanismos importantes para a formação continuada e a vida profissional.

10. Marketing Pessoal

Até agora, falamos muito sobre planejar, investir, organizar uma rotina de estudos, conhecer a si mesmo e o campo em que pretende atuar. E não podemos deixar de salientar que cuidar da imagem pessoal é muito importante para chegar lá.

Aprender a vender ao próprio nome e praticar o networking é fundamental para quem deseja uma carreira em crescimento.

Se você almeja um cargo dentro da organização em que já está trabalhando, procure mostrar suas qualidades e seus valores no dia a dia. Seja eficiente, tenha iniciativa e se posicione como um colaborador engajado.

Entretanto, se está em busca de novas oportunidades e de ser notado no mercado de trabalho, pode trabalhar com recursos como o LinkedIn, rede social para profissionais que já é muito popular no Brasil. Procure manter seu perfil atualizado, faça um bom resumo das suas competências e seja ativo nas discussões sobre os assuntos pertinentes à área pretendida, mas sem causar polêmica.

A rede tem um sistema de busca de vagas de emprego, e você pode seguir as empresas dos seus sonhos. Experimente!

Habilidades desejadas em todo profissional de sucesso

Tomou nota do passo a passo para alcançar uma carreira de sucesso? Certo! Descubra, agora, 5 habilidades essenciais para te acompanhar em todas as etapas relacionadas no tópico anterior.

Vale lembrar que essas são características que os gestores também levam em consideração na hora da contratação e, principalmente, de promover um colaborador. Fique atento!

1. Foco em resultado

Focar o resultado pode parecer óbvio, mas, por incrível que pareça, muitos gestores perdem muito tempo (e dinheiro!) se preocupando com coisas que não fazem a mínima diferença para os objetivos da empresa.

E isso pode acontecer com você. Se não mantiver a atenção no objetivo final da sua carreira, corre o risco de investir seus recursos em atividades que podem causar o efeito contrário, fazendo com que você perca o foco.

2. Engajamento

Engajar-se é se envolver em uma causa. Se você não estiver engajado no propósito da sua carreira, pode perder grandes oportunidades que surgem na graduação e na pós.

Já nas questões do ambiente de trabalho, saiba que a maioria das organizações está sempre em busca de soluções para promover e manter o engajamento de funcionários. Se você já tiver esse perfil, estará à frente dos seus concorrentes.

3. Visão estratégica

Ter uma visão estratégica é uma competência pertinente àqueles que desejam estar em qualquer segmento do mercado, desde as ocupações mais tradicionais até as profissões do futuro.

Ser um visionário é essencial para enxergar os resultados dos projetos em longo prazo, característica vantajosa para qualquer decisão que você precise tomar ao longo da vida!

4. Persuasão

A capacidade de influenciar pessoas para atingir o objetivo é muito poderosa, mas tome cuidado para não confundir persuasão com manipulação!

Persuadir é saber se comunicar, impor suas ideias, ter coerência no que diz e no que faz, transmitindo segurança aos ouvintes e credibilidade na sua imagem.

5. Flexibilidade

Não há como lidar com os problemas e os momentos de crise sem ser flexível. Flexibilidade e a capacidade de adaptação são essenciais para uma carreira de sucesso.

A globalização e a tecnologia também são responsáveis por essa exigência. Hoje, o mercado se altera na velocidade da luz, exigindo adaptações dos profissionais de todas as áreas.

5 profissionais de sucesso que você precisa conhecer

Se você chegou até aqui, agora é o momento de conhecer 5 histórias reais de profissionais do mercado que construíram carreiras de sucesso baseadas em todas as características relatadas até agora.

Chegou a hora de você saber que pode alcançar voos maiores que os planejados. Preparado? Vamos lá!

1. Abilio Diniz

A trajetória de Abilio Diniz nos ensina que dedicação, planejamento, proatividade e disciplina não trazem méritos só na carreira profissional, mas em tudo que a gente se propõe a fazer. Diniz não se contentou apenas em buscar ser o melhor gestor, mas também o melhor esportista.

O empresário iniciou a paixão pelas atividades físicas ainda no colégio, com 11 anos. Jogou futebol e praticou capoeira, judô, boxe, musculação e levantamento de peso sem deixar os estudos de lado.

Foi tricampeão de motonáutica e de automobilismo, vencendo o circuito de Interlagos nos anos de 1970. Correu também a maratona de Nova Iorque em 1994, e tudo isso foi realizado junto a sua formação acadêmica e sua atuação no mundo dos negócios.

Abílio, ao lado de seu pai, Valentim, foi responsável pela criação e desenvolvimento do grupo Pão de Açúcar. Após receber o diploma da segunda turma de Administração da FGV, deixou de lado os planos de continuar os estudos nos Estados Unidos e aceitou a proposta de abertura de um supermercado que Valentim havia feito, assumindo o cargo de chefe-executivo.

Em menos de 10 anos, o Pão de Açúcar já tinha se transformado em uma rede com 40 unidades de supermercados. Contudo, nos anos de 1990, o negócio quase foi à falência devido a problemas na sociedade com os irmãos.

Graças a suas características pessoais, adquiridas ao longo das circunstâncias da vida, e ao seu perfil de bom administrador, Abilio deu a volta por cima e hoje é dono da maior rede varejista do país.

2. Bill Gates

A história do fundador da Microsoft também merece destaque. Bill Gates é dono de uma fortuna avaliada em mais de 90 bilhões de dólares!

Ao lado de Paul Allen, Bill criou a mais famosa empresa de software do mundo, contribuindo para difundir a tecnologia em todo o planeta por meio dos computadores de uso profissional e pessoal. O que antes eram máquinas enormes e de uso complexo, hoje podem ser transportadas facilmente de um lado para o outro na forma de notebooks.

Acredite se quiser, a Microsoft nasceu quando Gates tinha apenas 19 anos! Haja dedicação e conhecimento para realizar tanto! Ele deixou de ser um simples estudante para hoje ser reconhecido como magnata, empresário e diretor executivo, criou, com a esposa Melinda, a Fundação Bill e Melinda Gates, que promove pesquisas sobre a AIDS, e é autor de mais de 10 livros!

3. Walt Disney

Walt Disney faleceu nos anos de 1960, mas até hoje é um dos homens mais famosos do planeta. O império Disney e seus personagens mudaram o mundo do entretenimento e fazem parte dos sonhos de muita gente.

De origem humilde, cursou Arte por correspondência e potencializava seus estudos com visitas aos museus. Após concluir o curso, iniciou a carreira como ilustrador de comerciais e abriu um escritório de animação em sociedade com um amigo.

O começo de sua trajetória não foi fácil. Walt Disney teve sua primeira criação roubada e até passou fome. Mas não perdemos nada sendo perseverantes, não é mesmo? E foi isso que esse gigante dos desenhos animados fez: reconhecendo seu talento, persistiu nos seus sonhos e criou seu mais famoso personagem, o Mickey Mouse.

A partir daí, sua carreira despontou. O ratinho virou desenho animado, franquia, propagandas na televisão e depois o mais famoso parque de diversões do mundo.

Disney tinha uma personalidade extremamente proativa e sua carreira não girou apenas em torno dos personagens da turma do Mickey. Produziu animações como “A Branca de Neve e os Sete Anões”, “Pinóquio” e “Bambi”, os filmes “Mary Poppins” e “A Ilha do Tesouro”, abriu uma escola para a formação de novos animadores e expandiu os negócios para a publicação de livros e gibis infantis.

Walt deixou como herança sua perspicácia e ensinou que não há limite para a imaginação. E é por isso que, até hoje, a Disney não para de crescer!

4. Steve Jobs

Assim como Bill Gates, Steve Jobs também é um gigante da informática. O cofundador, ex-presidente e ex-diretor-executivo da Apple revolucionou a indústria dos computadores pessoais, das animações, músicas, celulares, tablets e da publicidade virtual. Foi, inclusive, acionista da Walt Disney Company, nascendo 10 anos antes da morte de seu criador, Walt Disney.

Sua carreira inclui idas e vindas ao corpo diretor da Apple, criação de mais de 10 produtos da marca, como o iPhone, o Macintosh e o iTunes. Recebeu 6 prêmios em vida pelo seu perfil inovador e pela carreira de sucesso e uma premiação póstuma.

5. Mark Zuckerberg

Zuckerberg é mais um gênio nascido na faculdade. Observador nato, viu desde o colégio a necessidade que os estudantes tinham de se comunicar, desenvolvendo um aplicativo de troca de mensagens para os colegas da escola que foi usado até pelo seu pai no consultório odontológico.

Seguindo a mesma linha, Mark criou um programa que permitia rastrear os gostos musicais dos usuários. A Microsoft fez uma proposta milionária pelo desenvolvimento e, acredite se quiser, ele recusou.

Na faculdade, desenvolveu o Facemash, com base nas informações pessoais dos universitários disponibilizadas por Harvard, em que os alunos podiam votar nas estudantes mais bonitas da universidade. Mais tarde, esse projeto evoluiu para o famoso Facebook.

O grupo comprou o WhatsApp e o Instagram, e o patrimônio do empreendedor ultrapassa os 50 bilhões de dólares! E você, já recebeu o seu bom-dia no WhatsApp hoje?

Percebe como uma carreira de sucesso depende de vários fatores? Não é apenas sorte ou investimento! O estudo e as habilidades pessoais são muito importantes nessa jornada, e o melhor é que elas podem ser desenvolvidas. Aprenda com esse gigantes dos negócios: não desista dos seus planos e dos seus objetivos!

A MRH é uma instituição que está preparada para ajudar na sua formação durante essa caminhada, tanto na graduação como na pós. Assine nossa newsletter e continue recebendo informações valiosas para realizar os seus sonhos!

 

Você pode gostar
Habilidades para estagiário: saiba o que você precisa desenvolver
Mudança de planos: 5 sinais de que é hora de mudar de curso

Deixe seu comentário

Seu Comentário*

Seu Nome*
Seu Site

Share This